Como o erro em uma API pode ser prejudicial para os negócios? Você já deve ter escutado  os ditados: “informação é poder” ou “dados é o novo petróleo”.

Na sociedade contemporânea, podemos dizer que mais que a informação, a comunicação e troca entre esses dados é valiosa! No entanto, agora, com o crescimento do uso de dispositivos móveis, redes sociais e novas tecnologias, será que essas informações estão bem protegidas?

Contudo, graças às ferramentas tecnológicas que realizam a coleta e a comunicação entre os dados (business intelligence), é possível que equipes de marketing tracem perfis de consumidores, comportamentos de compra, alavanquem as vendas e desenvolvam estratégias baseadas em pessoas.

Entretanto, essa mesma tecnologia pode se tornar um grande problema! Por exemplo, pode-se acessar informações do CRM devido à má configuração de uma API. Ou até mesmo, corrompidas e expostas abertamente ao mercado! Em qualquer um dos cenários, as informações da sua estratégia de negócio ou dados sensíveis de seus clientes estariam entregues em mãos erradas.

O que fazer? Suspender o uso da API? Em hipótese alguma! 

A API impulsiona as estratégias digitais (Internet of Things, Cloud, Mobile). Além de proporcionar a flexibilidade e agilidade que o mercado atual exige das empresas.

Sendo assim, independentemente das razões pelas quais a empresa consome e expõe a API, ou seja, do nível de criticidade do dado ou o tipo de integração, a solução foca a segurança em alguns cuidados imperativos. Dessa forma, evita-se vazamentos de dados e os sistemas derrubados. Dentre eles podemos destacar.

 

  • Autenticação: garantir que quem está acessando a API é quem diz ser e se tem permissão para acessar o que está tentando acessar.
  • Gerenciamento: lidar com a governança das APIs, seja em versionamento das APIs (seu ciclo de vida, que deve estar alinhado com seus consumidores no mercado), migrações em desenvolvimento com ferramentas de gerenciamento global e integrar-se com ferramentas corporativas de BI, análise e geração de relatórios.
  • Disponibilidade: priorizar o tráfego para ajudar a garantir que as informações permaneçam disponíveis e responsivas.

Portanto, investir em API segura é essencial para proteger dados e informações, garantindo a continuidade dos negócios, aumento da credibilidade e confiança na marca, possibilitando ultrapassar barreiras inimagináveis.